GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Quem é retratado na Esfinge do Egito? Como seu nariz quebrou?

A hipótese mais aceita é que ela represente o deus Ruti, guardião do mundo inferior.

esfinge esfinge

ILUSTRA Alexandre Jubran

Ainda não se sabe com certeza quem foi a referência para o famoso monumento em Gizé, no Egito. A hipótese mais aceita é que ela represente o deus Ruti, guardião do mundo inferior. Mas a inspiração para o rosto (1)teria sido Quéfren, que ordenou sua construção. Até pouco tempo atrás, não se conhecia o corpo da criatura – ele só foi desenterrado em 1930, pelo arqueólogo egípcio Selim Hassan (1887-1961)

Uma escavação arqueológica perto da estátua no início do século 19 encontrou uma barba e um adereço em forma de naja (2), que provavelmente adornavam sua cabeça. Traços de pigmento vermelho na face e amarelo e azul no corpo indicam que ela era bem colorida quando ficou pronta

Diferentemente das pirâmides, formadas por blocos, a Esfinge foi esculpida em uma rocha calcária (3). Munidos de martelos de cobre e pedra, estima-se que os trabalhadores levaram três anos para concluir a obra. Do mesmo local foram retiradas as pedras usadas no Templo da Esfinge, perto dali

esfinge2 esfinge2

CIRURGIA PLÁSTICA

Duas teorias tentam explicar a destruição do nariz

O historiador Al-Maqrizi relata que o monumento teria sido detonado em 1378 por um fanático muçulmano. O ato seria uma represália aos camponeses locais, que faziam oferendas à Esfinge, desafiando os preceitos monoteístas do islamismo

Outra teoria diz que, em 1798, Napoleão Bonaparte teria ordenado um tiro de canhão contra a obra, por não aceitar a representação de um negro como imperador. Mas desenhos de 1757 do explorador Frederic Louis Norden já mostravam a Esfinge sem a napa

LEIA MAIS

Quais são os principais deuses egípcios?

As pragas do Egito realmente existiram?

Como era a vida de um faraó?

Como era a morte de um faraó?

FONTES LivrosHistory: The Definitive Visual Guide, vários autores,How It Works: Book of Incredible History, vários autores,As Grandes Maravilhas do Mundo, de Russell Ash e Richard Bonson; e sitesPBS Nova,Smithsonian Magazine,BBC History,iO9,LiveScience,Discovery,NBC News,National Geographic,Harvard Gazette,archeology.org,Derby Telegraph,Brooklyn Museum,Britannica,Huffington Post,The Telegraph,ScienceDaily,Archeology MagazineeHistory Channel

Comentários
Deixe uma Resposta

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: